Sabores Alentejanos com Música clássica


Os Sabores da Gastronomia do Alto Alentejo vão ser servidos num piquenique musical, cozinhados pelo Chef José Júlio Vintém, nesta sexta-feira dia 27 de julho a partir das 18 horas na Quinta dos Olhos de Água, na Ammaia, Marvão.

Mais de 400 pessoas, são esperadas nesta iniciativa popular integrada no V Festival de Música Internacional de Marvão, que desta forma procura aproximar e trazer mais pessoas ao universo da Música Clássica.

A ideia deste piquenique musical foi do Chef José Júlio Vintém, um apaixonado por música clássica que “por gostar bastante da paisagem do campo achei que faltava um petisco à beira do Sever para apreciar e desfrutar da paisagem e da música clássica, enquanto olhamos para Marvão e a Quinta dos Olhos de Água é o local ideal para isso”, afirma o Chef com raízes em Portalegre.

Para abrir o apetite a ementa preparada vai ter bacalhau, escabeche, saladas e o famoso gaspacho. Ao nível das doçarias vão ser “estrelas” as famosas e tradicionais boleimas da região do norte alentejano.

O Chef Vintém escolheu para acompanhar os seus pratos “vários vinhos da região, queijos e enchidos, num piquenique musical, bastante rico e bastante animado”, afirma o responsável por aguçar o apetite a todos aqueles que queiram à beira do Rio Sever e com Marvão no horizonte provar o que de melhor se faz no Alto Alentejo.

Esta é uma iniciativa que procura, segundo a organização do Festival Internacional de Marvão, aproximar mais os apaixonados por música clássica dos sabores e tradições locais, de uma forma completamente diferente do habitual. 

O Grupo Coral Bafos de Baco, de Cuba, e um dos mais jovens grupos de Cante Alentejano, vão ajudar ao enquadramento musical dos pratos, assim como o som dos adufes das Adufeiras de Idanha-a-Nova.

Aquele que é o maior Festival de música clássica em Portugal, conta este ano com um recorde de artistas portugueses, entre os mais de 300 artistas de mais de 20 nacionalidades, termina no dia 29 de julho. 

Marvão, Portalegre, Castelo de Vide, que se estreia no FIMM, e Valencia de Alcántara (Espanha) abrem as suas portas a mais de 40 concertos

O festival é organizado pela Marvão Music, associação sem fins lucrativos sediada em Marvão, e coorganizado pelo Município de Marvão, e conta com apoio de mecenas como o BPI | Fundação "La Caixa", a Sotheby's Portugal, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e o grupo Ageas Portugal.


Sobre o Festival Internacional de Música de Marvão:

Este festival, o maior de música clássica que se realiza em Portugal, nasceu pelas mãos do conceituado maestro alemão Christoph Poppen. Depois de um passeio de bicicleta perto de Marvão, a poucos quilómetros da fronteira, o maestro ficou rendido à vila muralhada. Dona de uma beleza única e inserida num cenário magnífico, só lhe faltava uma coisa: música!

O Festival Internacional de Música de Marvão nasce em 2014 e tem vindo a crescer ano após ano, tornando-se rapidamente no maior e mais aclamado festival de música clássica em Portugal.

Desde a sua primeira edição, o FIMM tem vindo a receber cada vez mais visitantes e traz a Portugal alguns dos maiores nomes da música clássica a nível mundial, brindando a vila alentejana com concertos únicos num cenário de cortar a respiração.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Inscrições abertas para o Trilho das Vinhas

Adega Mayor convida a Vindimar

Bye Bye Summer Wine & Beer Party