Novidades cheias de tradição aquecem propostas de almoço


O Avenida SushiCafé prepara-se para enfrentar a chegada do Inverno com novas propostas: cinco pratos tradicionais japoneses repletos de história que tornam os almoços no restaurante ainda mais variados, com opções únicas e… fumegantes!

E porque como onde há fumo há fogo, começamos já por esclarecer que algumas destas novidades são terminadas à mesa pelo próprio cliente. “Queremos trazer o público ainda mais para a acção, para a magia da cozinha oriental”, explica o chef Daniel Rente. Os almoços no Avenida estão ainda mais típicos: à carta que já conhecemos, foram adicionados o Sukiyaki e o Dote Nabe, pratos com uma forte “componente interactiva”, quase como que um “fondue japonês”. Para além destes, chegam ainda o Katsudon, o Unaju e o Ebi Kakiage, que nos fazem saltar a tampa (calma, são trazidos à mesa numas caixas típicas que há que destapar), e reforçam a oferta que combina com a personalidade do restaurante: autêntica e fiel à cozinha japonesa. 

Sukiyaki (40€, para duas pessoas)

Comecemos pelo Sukiyaki (40€, para duas pessoas): reza a lenda que, num certo dia invernoso em paragens mais orientais, um lenhador sem ter o que comer ia pedindo de porta em porta. Com os ingredientes que foi recebendo, teve que improvisar uma refeição que o saciasse e aquecesse. Por isso, fez fogo e juntou-os num caldo, depositando-os na sua enxada, que usava para cumprir o seu ofício e que era o que havia mais à mão. E assim nasceu o Sukiyaki! Junta legumes, carnes nobres e massa shirataki, tudo cozinhado em caldo de soja com mirim e caldo de peixe, e terminado à mesa, pelo próprio cliente. Em vez da enxada, tudo isto é preparado numa tigela de ferro fundido e é para partilhar, a dois, a quatro ou a seis. Conselho do chef: para aprimorar a experiência, nada como passar a massa e os legumes pelo ovo e pelo molho goma tare, também disponíveis à mesa. E, depois, sim, saborear!

Dote Nabe (16€)

Há também o Dote Nabe (16€), a verdadeira experiência do fondue japonês que chega a Lisboa pela mão do chef Daniel Rente. Este também é um prato terminado à mesa, mas não há que temer, a equipa do Avenida SushiCafé está sempre atenta e pronta a dar uma mãozinha. Aqui juntamos legumes, mexilhões, cogumelos e tofu, a um caldo claro japonês com pasta de soja fermentada. Onde é que já se viu? Em Lisboa, em lugar algum…!

Katsudon (13€)

Com o Katsudon (13€), começamos a abrir as "caixas de pandora”, que os próximos pratos vêm para a mesa em caixas japonesas e o deleite começa logo que as destapamos. O Katsudon, um prato mais simplista que os anteriores, tem arroz na base e panado de porco, cebolada e ovo. Aberta a tal caixa, basta envolver e desfrutar! Poucas vezes a expressão “comida de conforto” fez tanto sentido!

Unaju (18€)

Nestas novidades de almoço, o Avenida apresenta também um verdadeiro “prato de culto” da gastronomia japonesa: o Unaju (18€). A enguia de água doce (em japonês unagi) é a rainha e surge sobre o arroz gohan (que habitualmente comemos nas peças de sushi). Simples, saboroso e inesquecível — mesmo para aqueles que torcem o nariz quando a enguia chega à mesa.

Ebi Kakiage (12€)

Para percebermos o Ebi Kakiage (12€) arriscamos já a expressão “patanisca japonesa”. Trata-se de um “novelo" de legumes, camarão e alga em tempura, servido com arroz. A acompanhar, há um molho tentsuyu (caldo de peixe, soja e molho mirim) e arroz gohan. Portanto, para que tudo corra bem, importa reter: passar a tempura pelo molho, juntar ao arroz e depois saborear. E podemos sempre usar a desculpa “este tem legumes!”. 

Esta é uma oferta única do Avenida SushiCafé, que mais uma vez aposta na novidade e em trazer à cidade o mais típico da comida japonesa. Estes novos pratos de almoço, um complemento à proposta habitual, aumentam a variedade proteica da carta, indo para lá da contemporaneidade e debruçando-se sobre a vertente mais tradicional.

O chef Daniel Rente conhece como ninguém estes sabores mais tradicionais, pois já os trabalhou aquando da sua passagem por Osaka. Na verdade, "estas novidades têm vindo a ser estudadas, preparadas e aprimoradas nos dois últimos anos, na sequência de uma outra viagem de alguns elementos do restaurante ao Japão". Agora, chegou o momento de as podermos provar: estarão disponíveis todos os dias (encerra ao Domingo), ao almoço, no Avenida SushiCafé, das 12h30 às 15h30.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tertúlia de Queijos da Fromagerie Portuguesa na Enoteca 17•56

A Adega de Palmela aposta em ativação de marca

Espera Wines - a virtude de saber aguardar