Vinhos Churchill’s Voam na American Airlines


Churchill’s


O  LBV Churchill´s está a ser servido na classe executiva da American Airlines, desde o inicio de 2017,  seleccionado após  um rigoroso concurso para o fornecimento de vinhos na distinta classe executiva da companhia aérea Norte Americana, que é considerada a companhia mais valiosa do mundo.
 
O Vinho do Porto da Churchill’s agora servido na companhia aérea americana, surge um ano após, as linhas Aéreas da Escandinávia, SAS, terem feito a escolha do mesmo Porto, Late Bottled Vintage também para a sua classe executiva.
 
Maria Emília, CO-CEO da Churchill’s refere “Toda a equipa da Churchill’s partilha um enorme orgulho pelo Late Bottled Vintage ter sido escolhido mais uma vez para integrar a restrita lista de vinhos da classe executiva, desta vez da American Airlines. “
 
John Graham, CO-CEO da Churchill’s e responsável pela produção do LBV destaca “O nosso Vinho do Porto é produzido unicamente com uvas letra A, pelo que todos os Portos da Churchill’s são, desde o inicio, potenciais produtores de Vintage. Após a vindima e já em Vila Nova de Gaia quando procedo a categorização dos vinhos, pelos diferentes tipos, a primeira escolha é sempre, por razões óbvias para o Vintage e logo seguida pela escolha para o LBV. Obviamente que em anos não Vintage as melhores uvas vão sempre para o Late Bottled Vintage. É um pormenor que faz toda a diferença. O  Churchill’s Late Bottled Vintage apresenta sempre uma qualidade excepcional. “
 
“Este é um reforço importante para a nossa presença a bordo. Gosto de pensar que o consumidor quando voa tem tempo para beber e apreciar um Vinho do Porto. É uma excelente oportunidade de promoção para a Churchill’s e para um produto tão exclusivo como é o nosso LBV, ainda produzido de forma tradicional. Esta escolha vem complementar o trabalho da Churchill’s na  SAS e  TAP. “ acrescenta Maria Emília Campos.
 
Há dez anos que a Churchill’s serve os seus vinhos na classe   executiva da  transportadora aérea de Portugal. A TAP  começou por servir  o Porto  Branco Churchill´s  10 anos,  seguiu-se o Churchill’s Tawny 10 anos e  Churchills Estates Douro. Na ultima consulta a escolha recaiu no  Churchill  Estates Grande Reserva Douro, vinho que foi distinguido no ano  2016 , pela revista norte Americana Global Traveller como o segundo melhor vinho tinto na categoria de  “Best International Business Class Red Wine”  a nível mundial ,  pela revista  norte americana Global Traveller.
 
“Acreditamos que à semelhança da presença nas duas outras companhias áreas, esta escolha criará mais uma oportunidade de conhecimento junto de consumidores estrangeiros e o fortalecimento junto de consumidores nacionais.” reforça Maria Emília Campos.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um novo patamar de alta gastronomia

Symington sugere cinco presentes

Lavradores de Feitoria sugere ‘Quinta da Costa das Aguaneiras tinto 2014’