Projeto Internacional OMO começa hoje em Portugal com AXIS Hotéis


Começa hoje em Portugal a primeira fase experimental do projeto internacional OMO com a integração de quatro jovens comsíndrome de Down (SD) num estágio, a realizar no Hotel AXIS Porto. Simultaneamente em Itália, um grupo de jovens, entre os 21 e os 23 anos, iniciam uma experiência semelhante no Hotel Melià Roma Aurelia Antica. 

Financiado pela Comissão Europeia, no âmbito da cooperação para a inovação e o intercâmbio de boas práticas, e lançado oficialmente em Setembro de 2014, o projeto OMO visa promover uma sociedade acessível para as pessoas com SD, pelo que terá a duração de 36 meses, tendo como parceiros oficiais: Associazione Italiana Persone Down Onlus; Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21; Alma Mater Studiorum – Universita Di Bologna; Universita Degli Studi Roma Tre; European Down Syndrome Association; Axis Hotéis; Sol Melià Italia S.r.l.; Fundaccion ADECCO; Fondazione Adecco per le Pari Opportunità.

Este projeto pretende melhorar o processo de aprendizagem de pessoas com SD na realização de tarefas específicas no dia-a-dia de trabalho do sector hoteleiro, envolvendo a criação de ferramentas educacionais inovadoras, como a demonstração em vídeo com ideias para melhorar a relação entre o tutor e o estagiário com SD, bem como recursos educacionais para os jovens adquirem, habilidades e competências para executar as tarefas que lhes forem atribuídas.

De salientar ainda que o projeto OMO promove o acesso dos cidadãos europeus com SD a oportunidades de emprego na indústria hoteleira, através da criação de parcerias duradouras entre escolas, associações de pessoas com deficiência profissional e o sector hoteleiro.

Segundo a ONU, aproximadamente 15% da população mundial vive com algum tipo de deficiência, que impede a sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições. Apesar desta situação, a deficiência ainda não aparece nas agendas de desenvolvimento de todos os países do mundo.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um novo patamar de alta gastronomia

Symington sugere cinco presentes

Foz Torto lança novas colheitas