Infowine.forum com alguns dos melhores especialistas da fileira vitivinícola



Bruno Quenioux (sommelier, enólogo e especialista em marketing de vinhos), Denis Dubourdieu (investigador, enólogo consultor e produtor, considerado pela revista Decanter como uma das 50 personalidades mais influentes no mundo do vinho), Joshua Greene (editor da Wine & Spirits), Nicholas Guichard (enólogo, winedesigner e presidente da Associação de Enólogos de Bordéus há 10 anos), Peter Godden (director no The Australian Wine Research Institute) e Roger Boulton (investigador na Universidade de Davis e responsável pela construção da primeira adega LEED Platinum) são alguns dos conceituados especialistas de renome internacional que vão estar em Portugal já nos dias 30 e 31 de maio, como oradores do infowine.forum 2012, um encontro de caráter técnico e científico nas áreas da viticultura, enologia e mercado, que vai ter lugar no Teatro de Vila Real.

Do panorama do setor nacional do vinho destacam-se nomes como o de Adrian Bridge (The Fladgate Partnership | The Yeatman Hotel) e Álvaro van Zeller (consultor em enologia e produtor da Quinta de Zom). No “palco” vai estar também, com uma abordagem distinta mas ainda assim com enfoque no vinho, a artista Gabriela Gonçalves, que pinta com vinho. Em comum, os oradores têm o facto de estarem ligados a projetos/casos de sucesso em que o vinho é o motor do negócio, reunindo-se no infowine.forum para partilharem as razões desse mesmo sucesso e algumas dicas para um futuro promissor.

Leonor Santos, sócia fundadora da VINIDEAs, empresa responsável pela organização do evento, considera que “há que encarar o futuro como uma oportunidade permanente e usar a imaginação, alicerçada em conhecimento, trabalho e método para pensar fora dos cânones exclusivamente tradicionais e ir mais além, alcançando o sucesso”.Esta filosofia levou-a a considerar o conceito ‘Thinking “out of the bottle”’ como tema do infowine.forum 2012, subdividindo-se o mesmo em três subtemas: “On the ground” (fundações para construir uma atividade de sucesso),“In the wine” (pôr em prática de froma eficaz o plano definido para produzir as uvas e o vinho pretendidos) e “Out of the bottle” (libertar o génio criador; o vinho como pretexto para criar outras atividades).
Um fórum, 4 áreas, 6 países, cerca de 40 convidados e entre 400 e 500 participantes

O infowine.forum – que se realiza de dois em dois anos, sendo esta 3.ª edição – tem como objectivo valorizar a aposta na I&D, pública e privada, salientando a sua importância na evolução e inovação do setor vitivinícola. Segundo Leonor Santos,“o infowine.forum marca um encontro entre a investigação e as fileiras da produção e da comercialização de vinho. A “chama” da atualização e partilha de conhecimentos é essencial e deve manter-se acesa.”.

A organização pensou o fórum para ser vivido de forma intensa: dois dias de pleno “non stop … ideas”. Esta é a expressão que dá mote às quatro áreas criadas no Teatro de Vila Real, cada uma com a sua especificidade: Non Stop Uncorking Ideas (entre seminários e módulos no auditório); Non Stop Researching Ideas (posters); Non Stop Tasting Ideas (provas); e Non Stop Dealing Ideas (bolsa de contactos). A investigação nacional terá assim espaço para apresentação dos mais recentes trabalhos científicos.

Oriundos de seis países – Portugal, Espanha, França, Itália, E.U.A. e Austrália – são cerca de 40 os especialistas convidados. No que toca a participantes, a organização espera manter a adesão dos anos anteriores, esperando entre 400 e 500 presenças. Este é um evento que se destina a produtores, quadros técnicos ligados à produção vitivinícola, jornalistas, gestores de mercado, técnicos comerciais, profissionais ligados ao canal Horeca, estudantes e outros interessados.

O programa e as inscrições estão disponíveis através do site www.infowineforum.com.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um novo patamar de alta gastronomia

Symington sugere cinco presentes

Foz Torto lança novas colheitas