Rozès associa-se à II Regata Infante D. Henrique



A Rozès, empresa de vinhos do Douro e Porto, apoia a segunda edição da Regata do Infante D. Henrique, que se vai realizar dia 10 de março, sábado, a partir das 11h00. Os objetivos da realização desta regata passam pela promoção de notoriedade à prática da vela de cruzeiro, unir as cidades do Porto e Vila Nova de Gaia em torno de um espetáculo de cor e elegância, e incluir este evento no roteiro turístico do norte do país. Com uma tradição secular ligada ao Douro e também às caves situadas na zona histórica de Gaia, a Rozès, pelo segundo ano consecutivo, aceitou o convite da Associação Náutica de Recreio para ser parceira em mais um evento único em Portugal.

A iniciar o fim de semana e a caminhar a passos largos para a primavera, a segunda edição da Regata do Infante D. Henrique, com a participação de veleiros de todo o norte do País, vai animar as zonas ribeirinhas do Porto e Gaia. Contando com o apoio da Rozès, um dos principais objetivos desta Regata é tornar-se numa referência turística, tanto a nível nacional, como internacional.

Para todos os amantes do desporto, quer participantes quer espetadores, esta vai ser uma oportunidade única para presenciar toda a arte e mestria dos velejadores.
Embora a vela de cruzeiro seja uma prática desportiva ainda pouco enraizada em Portugal, a nossa localização privilegiada junto ao mar e o clima privilegiado de que dispomos, permitem-nos praticar esta modalidade em condições de excelência.

Com organização conjunta da Associação Náutica de Recreio (ANR) e Sport Club do Porto (SCP), o início da segunda edição da Regata Infante D. Henrique está marcado para as 11h00, em Matosinhos, no próximo sábado, terminando no enfiamento do barco rabelo da Rozès com a Igreja do Infante D. Henrique. O “desfile” dos cerca de 30 veleiros de cruzeiro que vão rumar até à ponte D. Luís pode ser apreciado a partir das duas margens do rio Douro.


No mesmo dia, a partir das 16h00, realiza-se a segunda prova da Regata Infante D. Henrique, com partida na Douro Marina e chegada ao Porto de Leixões. Aos primeiros classificados vão ser atribuídos prémios, sendo que os restantes participantes vão receber lembranças oferecidas pela Rozès.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um novo patamar de alta gastronomia

Symington sugere cinco presentes

Foz Torto lança novas colheitas