BOAS NOTÍCIAS - Bruxelas volta atrás nos rosés


A Comissão Europeia voltou atrás na decisão de permitir a mistura de vinhos tintos e brancos para a produção de vinhos rosés. Mariann Fischer Boel, comissário para a Agricultura e Desenvolvimento Rural, afirmou recentemente que a proposta para banir as leis que não possibilitavam a produção de vinhos rosés através da mistura de vinhos tintos e brancos, inicialmente anunciada em 2008, não será adoptada, após consulta da produção.

“Tornou-se claro ao longo das últimas semanas que a maioria do sector vitivinícola acredita que ao acabar com lei que não permitia a mistura poderia prejudicar a imagem do tradicional rosé”, admitiu Fischer Boel. “Estou sempre preparada para ouvir bons argumentos e é por isso que estou a efectuar esta alteração”.

Alguns organizações profissionais do sector do vinho estavam contra esta alteração na lei, sendo que a a decisão inicial foi efectuada para tentar aproximar os produtores europeus às práticas aprovadas pela Organização Internacional da Vinha e Vinho (OIV) que permite aos produtores não comunitários a exportar vinhos rosé produzidos a partir de mistura.

No caso de esta medida avançar, seriam necessárias alterações e novos standards no que diz respeito aos rótulos, criando duas designações distintas para os vinhos rosés. Isto levaria a que os produtores fossem obrigados a referir nos rótulos se os vinhos era “rosés tradicionais” ou “rosés de mistura”.

in "hipersuper"

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Eis os 10 restaurantes com a Melhor Carta e Serviço de Vinhos em Portugal

O pódio da gastronomia mundial num jantar inédito

Holy Water - "think outside the box"