Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2008

Mola cria nova identidade para Viva Vino

Imagem
A Mola ativism desenvolveu uma nova imagem para a Viva Vino, marca sediada em Singapura que irá importar e distribuir vinhos portugueses Sogrape e Esporão para países asiáticos.
Com a assinatura Fine WinesFromTheOldWorld, o novo visual pretende passar a ideia de estimulação dos sentidos, ou seja, cuidado com as uvas, a selecção e colheita, a maturação do vinho nas caves. O logótipo invoca uma flor que pretende reflectir a iconografia das antigas casas de vinho do Sul da Europa.
Em termos de cor, a aposta da Mola ativism recaiu sobre o rosa escuro e o lilás, de modo a criar um contraste «sugestivo e sensual, entre o luxo, a classe e o prazer», explicou Rui Morais, director criativo da Mola ativism. "in briefing"

Romeira patrocina Festa do Cinema

Imagem
O vinho Romeira vai patrocinar a 7ª Festa do Cinema, uma iniciativa promovida pelo Inatel que decorre até ao dia 9 de Agosto. Na sequência desta parceria, os espectadores poderão beber um copo de vinho da marca enquanto assistem às sessões de cinema ao ar livre, que aquela instituição promove anualmente, no parque de Jogos 1º de Maio, em Lisboa.

"in briefing"

Mateus Rosé investe em publicidade

Imagem
A Sogrape está a reforçar a comunicação da marca Mateus Rosé com um conjunto de materiais publicitários da autoria da Euro RSCG Londres e que estão nos meios até ao final de Agosto. Em jogo está a promoção da versão Mateus Rosé Aragonês, um vinho, mais leve e frutado que a versão tradicional, direccionado para um consumidor mais jovem.
Com uma abordagem «sedutora e uma linguagem gráfica contemporânea», o spot televisivo destaca os atributos da versão Aragonês do Mateus Rosé de forma a incentivar o target jovem a experimentá-lo.

"in briefing"

Croft Pink vence Quality Drink Awards

Imagem
A mais recente aposta da Croft - CroftPink - foi distinguida pelo seu carácter inovador, vencendo o QualityDrinkAwards, posicionando-se no Top 5 do DrinksBusinessAwards, na categoria “BestDesignandPackaging”.
Para AdrianBridge, director-geral da Croft, “tratando-se dos mais conceituados concursos internacionais que premeiam a inovação, o design e a excelência, não poderíamos deixar de ficar muito satisfeitos com os resultados. O investimento feito no CroftPink para que este estilo de Porto seja inovador, quer pela sua cor atractiva, apresentação contemporânea, garrafa estilizada e pelas características do próprio vinho - fresco e muito aromático, está a ser reconhecido e conta com grande aceitação por parte dos consumidores”.
Na opinião do responsável pela empresa, “estamos a conquistar a preferência de novos públicos que vêm no Pink uma óptima e refrescante alternativa para os meses mais quentes”,concluindo que “o sector do Vinho do Porto carece de modernidade e não temos dúvidas que …

Vinhos da ilha do Fogo, em Cabo Verde, querem ter controlo de origem e protecção

Imagem
Os vinhos da ilha do Fogo, em Cabo Verde, vão ter controlo de origem e protecção. Um consultor italiano ligado ao sector vinícola foi contratado para programar os mecanismos que poderão elaborar uma proposta para que a região obtenha a Denominação de Origem Controlada (DOC), noticiou a Semana Online.A idéia é também incrementar a produção através de videiras em regime de sequeiro, sem recurso a adubo químico. Neste processo utiliza-se apenas o sistema de cultivo misto das videiras em paralelo com outras plantas, em altitudes superiores a mil metros. As mesmas normas e princípios devem ser acolhidos pelos principais produtores de vinho das localidades de Chã das Caldeiras, Achada Grande, Relva e Corvo.A iniciativa, além de garantir o controlo da qualidade dos vinhos, garante também qualidade dos outros produtos locais. Conforme dados recolhidos, o vinho branco vai registar este ano um aumento significativo e terá boa qualidade. Prevê-se também uma produção maior do que no ano anterior …

O futuro dos vinhos de Bordéus passa pelo enoturismo

Imagem
SylvieCazes, a 1ª presidente do sexo feminino da história do UGCB (UniondesGrands Crus Classes de Bordeaux), diz que a cidade de Bordéus deve tornar-se num centro cultural do vinho.

A nova presidente deste organismo defende que para uma melhoria do resultado das actividades promocionais do vinho da região, é necessário aproximar o consumidor e levar até ele os eventos vínicos de excelência.


Defende igualmente a melhoria do enoturismo como forma de atrair os consumidores e diz que as "WineSchools" devem aumentar como forma de fomentar o conhecimento sobre o vinho.

Na sua opinião os produtores devem passar a imagem de como a actividade vínica em Bordéus é um modo de vida de quem lá vive, e defende que os produtores devem estar preparados para abrir as portas aos fins de semana (já que muitos por comodismo não o fazem). Para Sylvie, se os consumidores não se enquadram no horário actual dos "Chateau", devem ser os produtores a adaptarem-se aos horários dos consumidores.

Vinho em tubos ...

Imagem
Quem nunca olhou para o vinho como um produto que poderia ser tratado como um perfume, ou outra preciosidade semelhante, terá agora a oportunidade de adquirir vinho entubado.

A empresa WineSide acaba de lançar no mercado um projecto que visa literalmente entubar o vinho. A oferta baseia-se em 2 gamas, os vinhos clássicos e os doces, e são introduzidos em pequenos tubos de 6 e 10 cl com patente registada, e com cápsulas minuciosamente testadas para vedar com total segurança e qualidade os vinhos aí introduzidos.
Os vinhos doces - Sauterne e Muscat, ou os clássicos - Pomerol, ChateauNeufdu Pape, podem agora ganhar novos adeptos e novas formas, que no fundo são o reflexo de uma excelente estratégia de marketing, que só pode redundar em sucesso !
Website: http://www.wineside.net/
Contacto: [email protected]

Vinhos ou Sumos de Uva ?

Imagem
A tradição definitivamente já não é o que era. A confusão começou há alguns anos quando produtores começaram a introduzir os seus vinhos em embalagens tipo tetra-pack e baginbox, criando alguma confusão, sobre o seu conteúdo. Agora a confusão aumentou, e é a indústria de produção de sumos, a introduzir no mercado uma novidade que promete "agitar" o sector.

A marca FirstBlush´s lançou no mercado uma linha de sumos à base das castas Cabernet, MerloteChardonnay, totalmente livres de álcool, sem açúcar e aditivos, que podem ser consumidos por qualquer criança sem o mínimo risco. Esta inovação vem provar que afinal ainda existe um enorme espaço de manobra para novos produtos associados ao vinho, e quem arrisca petisca ! Website: http://www.firstblushjuice.com/
Contacto: [email protected]

"Fita Azul" com nova imagem

Imagem
Celebration (Seco, Meio Seco e Doce), Attitude, Exclusive, Intense, Passion e Woman. São estas as novas apostas da Sociedade dos Vinhos Borges (SVB) para o mercado dos Espumantes da marca “Fita Azul”.
Na apresentação oficial dos novos néctares e da respectiva nova imagem, Pedro Guerreiro, director de marketing da SVB, referiu que “o projecto passa pela aproximação e identificação do consumidor ao universo dos espumantes”. Assim, fundamental para o sucesso deste projecto foi, de acordo com o responsável, “perceber o consumidor”. Para tal, a SVB contou com a ajuda da MyBrand, tendo a consultora realizado um estudo, com o objectivo de saber e perceber o que o consumidor quer e exige de um espumante.
“Na sua essência, o estudo concluiu que o consumidor procura, fundamentalmente qualidade e um espumante para diferentes momentos de consumo, existindo vários perfis de consumidor”.
Ora, se a qualidade é palavra-chave em qualquer produto, o estudo encomendado pela Sociedade dos Vinhos Borges ve…

Herdade do Esporão adere ao CountDown 2010

Imagem
A Herdade do Esporão aderiu recentemente ao CountDown 2010 (www.countdown2010.net), de forma a dar seguimento ao seu compromisso de protecção e defesa da biodiversidade. A actividade mundial visa deter a perda da biodiversidade a nível local, nacional, regional e global.
A iniciativa vai responsabilizar a Herdade do Esporão por cumprir as acções necessárias para extinguir ou diminuir consideravelmente o extravio da biodiversidade até ao ano de 2010. Do mesmo modo, a empresa fortalece o compromisso com a sociedade, afirmando o seu esforço para a preservação e protecção do ambiente.
A rede CountDown 2010 foi criada com o objectivo de “encorajar e apoiar a implementação plena de todas as directrizes internacionais em vigência e das acções necessárias para salvar a biodiversidade, demonstrar inequivocamente quais os progressos que os países estão a fazer para ir de encontro aos objectivos de 2010 para a biodiversidade, assim como obter o máximo de atenção pública para o desafio de salvar a …