Apesar da recessão consumidores continuarão a comprar vinho



Apesar da desaceleração económica que se verifica um pouco por todo o mundo, os consumidores habituais de vinho não vão deixar de adquirir vinhos. O estudo foi feito junto de 1000 consumidores habituais de vinho no Reino Unido, pela Wine Intelligence, em nome da Associação dos vinhos e das bebidas espirituosas (WSTA).


Este estudo constatou que os consumidores preferem cortar noutras áreas do orçamento familiar como doces, chocolates, cerveja e refrigerantes. A própria percepção dos consumidores leva-os a referir que ao contrário do pão, peixe, aves, queijos e café, não têm dado conta da subida de preços dos vinhos nos últimos tempos.

Esta notícia tranquiliza o sector do vinho, e mostra que o vinho não será concerteza o 1º produto a "saltar fora" do carrinho do supermercado, o que demonstra também a fidelidade demonstrada dos consumidores pelo vinho.

Alguns especialistas colocaram algumas reticências ao resultado deste estudo, porque referem que os ingleses são de um modo geral "price-oriented", e que talvez seja difícil as pessoas continuarem a comprar garrafas de vinho a 10 libras ou mais.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Essência do Vinho assinala 15 anos

Nova Loja Gourmet no Colombo - Heart Experience

13 medalhas para vinhos portugueses exclusivos do Lidl