Gastronomia Portuguesa em dose dupla na Russia

Para o chef Luís Gaspar, o dia começou com um desafio: criar e apresentar um prato que incluísse feijoa sob o mote “Textura e Sabor — Como criar tendências”. Onde? No Festival MEGUSTRO, em São Petersburgo, promovido pela METRO Russia. A missão, apoiada pela Makro Portugal e pelo Sangue na Guelra - Blood n’Guts, foi cumprida com distinção.

Numa apresentação desafiante e que muito valorizou o produto português, o chef da Sala de Corte preparou Atum curado, chutney de feijoa (o tal ingrediente que não podia ficar de fora), gamba da costa e emulsão de côco e gengibre. A adesão do público, rendido ao talento do jovem português, foi imediata! A Anton Abrezov, o cozinheiro que Luís Gaspar “defrontou", coube a tarefa de criar um prato que incluísse o nosso chouriço de sangue…! 

O prato do chef Luís Gaspar: Atum curado, chutney de feijoa, gamba da costa e emulsão de côco e gengibre
Amanhã, será a vez de Alexandre Silva se aventurar na cozinha do evento em mais um Chef Challenge. O cozinheiro do LOCO irá reinterpretar o mais popular dos pasteis portugueses, num “combate” sob o tema “O meu Pastel de Nata”, e ao seu dispor terá os dióspiros, que não poderá deixar de fora. Para Anton Isakov, o chef russo com quem irá partilhar o “ringue", o desafio será incluir focinho de porco fumado na sua criação.

Depois de, em Setembro passado, a Nova Cozinha Portuguesa ter sido alvo de muita atenção internacional em Düsseldorf, no evento METRO Unboxed, com o apoio da Makro Portugal e do Sangue na Guelra, é de novo tempo de se falar da ousadia e criatividade dos chefs portugueses num certame internacional. Além da iniciativa Chefs Challenge, o programa do festival MEGUSTRO inclui ciclos de conferências com marketeers, empresários e gestores ligados à gastronomia, masterclasses e ainda o concurso Chef a la Russe. A entrada no festival é gratuita.

Comentários