"Oficina do Biscoito" - sabores tradicionais e únicos



Longe vão os tempos em que as latas dos biscoitos da casa das nossas bisavós, avós, tias e madrinhas escondiam sabores únicos que nos envolviam com uma deliciosa chávena de “café da avó”, de chá ou de cacau, à hora do lanche ou da ceia, ao calor acolhedor da braseira e lareira.

A Oficina do Biscoito é uma unidade produtiva artesanal reconhecida, que respeita os processos tradicionais e genuínos da confeção de biscoitos, bolachas e bolos. As instalações possuem localizam-se na antiga EB1 da Quinta da Marquesa, espaço associado à estrutura de apoio ao empreendorismo, existente no Convento de São Miguel nas Gaeiras, em Óbidos, denominada de ABC – Apoio de Base à Criatividade.

Os bolos confecionados diferenciam-se dos da produção industrial por serem de fabrico individualizado, respeitando os processos tradicionais e onde a intervenção pessoal nas várias fases do processo produtivo (mistura, moldagem e embalamento) constitui um fator predominante. 

A produção baseia-se num conjunto de receitas familiares provenientes de Conventos e Casas Nobres e tem como finalidade proporcionar aos seus clientes um produto o mais próximo possível do biscoito acabado de fazer; possibilitando, nos dias de hoje, a degustação de sabores normalmente associados às antigas tradições.

Neste momento, produzem os seguintes tipos de biscoitos / bolachas: Areias tradicionais, uma clássica massa areada, amassada com a banha do porco e canela; Areias do Castelo, onde o típico sabor da amêndoa se mistura com um leve aroma a baunilha; Raivas do Marquês, com origem numa das mais importantes Casas Nobres portuguesas, com o verdadeiro aroma do limão acabado de ralar; Biscoitos da avó Sarah, iguais aos que as nossas avós faziam, com azeite e um toque especial de canela e outras especiarias; Bolachas de coco, onde se destaca o tradicional sabor do coco e Crocantes de aveia, deliciosa bolacha de aveia, figo e noz.

A escolha dos fornecedores e das matérias-primas é criteriosa e exigente, privilegiando os produtos de origem nacional e a máxima qualidade e frescura. Outro aspeto relevante é a seleção de produtos pouco manipulados, não sendo adicionados no processo produtivo corantes nem conservantes.

Comentários