Rótulo baseado em aspectos emocionais - take 2


Depois de no post "Como construir uma marca baseada em aspectos emocionais" termos abordado o processo de criação de marca, apresentamos novamente um caso, que tem como principais motivos, a EMOÇÃO, embora neste caso sem um motivo puramente comercial, pelo menos não tão implícito.

O vinho "Beyerskloof Diesel Pinotage" foi criado como forma de homenagear o cão, de nome Diesel, do produtor Beyers Truter. O animal entretanto falecido, era considerado pelo seu dono, como um verdadeiro companheiro, um seguidor fiel, que já conhecia perfeitamente as vinhas pelas quais Beyers se movimentava.

Este exemplo assenta também no aspecto emotivo, embora neste caso a emoção parta precisamente do criador do vinho, ou seja, não pretende, ou não tem como 1º objectivo (de forma directa) despertar emoções no consumidor.

No entanto, como os vinhos contam histórias, e são (também) comprados por esse aspecto, não temos dúvidas, até pelo próprio design, do sucesso desta aposta. Pena é que a produção seja limitadíssima.

Comentários